Jaraguá já foi referência em Apicultura

Antigo apiário de Mitsiotis localizado a 100 m da Igreja Matriz do Jaraguá.
Antigo apiário de Mitsiotis localizado a 100 m da Igreja Matriz do Jaraguá.
Arquivo: Nikolaos Argyrios Mitsiotis.
Vive no bairro Jaraguá há várias décadas um dos maiores apicultores das Américas. Trata-se do grego Nikolaos Argyrios Mitsiotis, que manteve no centro do bairro um apiário com mais de 50 caixas até 1985. Ele é autor de inúmeras pesquisas na área de biologia e botânica, entre elas as que se relacionam com as plantas Ora-pro-nobis e margaridão-amarelo.

Em 1979, Mitsiotis fundou a Associação Paulista de Apicultores Criadores de Abelhas Melíficas Europeias (APACAME) e ministrou seu primeiro curso sobre abelhas no salão da Cooperativa de Consumo, na rua Bela Cintra, São Paulo. Um ano antes, o grego já havia sido notícia no Jornal da Tarde como um dos quatro curadores da "Primeira exposição de Apicultura dinâmica", ocorrida na estação São Bento do Metrô, a qual reuniu mais de 12 mil participantes entre estudantes e técnicos agrícolas.

Capa de "O reino mágico das abelhas" de autoria de Mitsiotis, revista que ainda hoje exerce influência sobre apicultores do Brasil e das Américas.
Capa de "O reino mágico das abelhas" de autoria
de  Mitsiotis, revista que ainda hoje exerce
influência sobre apicultores do Brasil
e das Américas.
Em 1983, esse apicultor jaraguense publicou uma revista intitulada "O reino mágico das abelhas" pela Editora Três (seguida de várias reedições ao longo dos anos seguintes que venderam mais de 200.000 exemplares) na qual apresenta a problemática das abelhas africanizadas, demonstra como é a vida de uma colônia de abelhas mansas na natureza e no apiário, apresenta instruções para iniciar uma criação, expõe como deve ser realizada a produção de rainhas e como obter mel, entre outros temas.

"O Brasil, apesar de ser um dos maiores laboratórios de fotossíntese do mundo - com sua flora e sol - perde anualmente bilhões de toneladas de precioso néctar, dos quais poderia produzir centenas de milhares de toneladas de excelente mel", revela ele na introdução da referida revista que contém um curso completo e avançado sobre abelhas e produção de mel que ainda hoje é uma referência entre apicultores do Brasil e toda a América, "e perde também bilhões de dólares na produção agrícola, por não ter acoplado à sua Agricultura uma Apicultura desenvolvida com base em raças de abelhas dóceis", completa.


Mitsiotis é notícia no Jornal da Tarde.
Mitsiotis é notícia no Jornal da Tarde.
Mitsiotis vive hoje no mesmo lugar de sempre, em uma casinha construída em meio a um oásis de vegetação na rua Turvânia, próxima à estação de trens do Jaraguá.

Mais sobre Mitsiotis:


Sobre o Autor:
Marinaldo Gomes Pedrosa Marinaldo Gomes Pedrosa é formado em Jornalismo pela UniSant'Anna. Vive no bairro Jaraguá desde 1976.

Comentários

  1. manoelevaristosoares@gmail.com1 de agosto de 2016 01:29

    Eu estive la várias vezes. Pessoalmente

    ResponderExcluir
  2. Também o conheço; ele é um gênio!

    ResponderExcluir

Postar um comentário